Publicidade
ATENÇÃO SR(s) INTERNAUTAS
Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens.

CACOAL - POLICIAL

HOMEM TENTA DEFENDER FUNCIONÁRIA DE EX-MARIDO, É AGREDIDO E TEM CARRO DANIFICADO

Segundo a PM, confusão começou após mulher não querer retornar o relacionamento com o suspeito. Caso aconteceu na terça-feira (9) em Cacoal.

Um homem de 45 anos foi agredido e teve parte do carro danificado pelo ex-marido de sua funcionária, de 40 anos, em Cacoal (RO), município a pouco mais de 480 quilômetros de Porto Velho. Segundo a Polícia Militar (PM) local, o suspeito quebrou o celular da mulher e danificou o veículo com um pedaço de madeira. A confusão começou após a funcionária não aceitar reatar o relacionamento. O agressor foi encaminhado à delegacia.

À PM, o homem contou que estava em casa quando a funcionária chegou nervosa, chorando e pedindo ajuda, pois o ex-marido entrou na residência dela, dizendo que não tinha lugar para ficar. Com o consentimento da ex, ele permaneceu na casa. Porém, depois de algum tempo de conversa, o homem pediu para reatar o relacionamento.

Em resposta, a mulher negou voltar com o ex-marido. Furioso, o suspeito passou a quebrar alguns objetos da casa, inclusive o aparelho celular da ex-mulher.

Com medo de ser agredida fisicamente, a vítima conseguiu correr até a casa do chefe, para quem pediu ajuda. Após acalmar a funcionária, o homem levou a funcionária até a Delegacia de Polícia Civil (DPC) onde registraram uma ocorrência de ameaça.

Depois que saíram da delegacia, o chefe levou a funcionária na casa dela, a fim de buscar a filha que estava com uma vizinha. Quando o ex-marido viu a mulher, tentou obrigá-la a entrar na residência.

O homem interveio e começou a brigar com o ex-marido da funcionária, até que os vizinhos conseguiram separar.

Após pararem as agressões, o suspeito pegou um pedaço de madeira e começou a quebrar o carro do homem, danificando vidros, portas e capô. Ele parou somente após a intervenção de populares.

A perícia esteve no local para a constatação dos danos. O suspeito foi conduzido à Delegacia de Polícia Civil (DPC), onde a ocorrência de vias de fato e depredação foi registrada.


Fonte: G1/RO

Comentários