Home / Destaques / Alta Floresta – Foragido, acusado de matar Policial Militar durante roubo há 18 anos na Paraíba é preso pela PM e PC

Alta Floresta – Foragido, acusado de matar Policial Militar durante roubo há 18 anos na Paraíba é preso pela PM e PC

O acusado, condenado a 22 anos de prisão e que utilizava nome falso foi identificado como NÉLIO VIEIRA DE MELO.

A Polícia Militar do 10º Batalhão “O Guardião da Zona da Mata”, através de uma ação conjunta entre policiais militares de Rolim de Moura e Alta Floresta do Oeste com o apoio fundamental da Polícia Civil em Alta Floresta prendeu um foragido da Justiça, condenado a 22 anos de prisão pela acusação de crime de latrocínio (roubo seguido de morte) de um Policial Militar e de tentar matar outro PM, no Estado da Paraíba.

A prisão

A prisão ocorreu nesta manhã de quarta-feira (30), em uma propriedade rural, localizada na Linha 42,5, km 07, na Zona Rural do município de Alta Floresta do Oeste, cidade localizada no interior do Estado de Rondônia, distante a cerca de 525 km da capital Porto Velho/RO.

Foi descoberto pela polícia, que o acusado, identificado como Nélio Vieira de Melo utilizava nome falso e se passava por Valdir Virgínio do Santos Worel, o qual durante o tempo em que esteve foragido fez todas as documentações pessoais em nome de um primo, que se encontra desaparecido.

Nélio Vieira foi preso pela PM e encaminhado até a Delegacia de Polícia Civil de Alta Floresta do Oeste, e após registro de ocorrência policial e exame de corpo de delito, o acusado foi apresentado no Presídio local, onde permanece a disposição da Justiça.

Entenda o caso

O crime ocorreu em 04 de junho do ano de 2002, na estrada que liga as cidades de Princesa Isabel e Manaíra, no sertão do estado da Paraíba.

Nélio Vieira de Melo integrou um grupo de 11 pessoas (Ademilton Batista Rosa da Silva, José Pereira da Silva, Valdir Leandro da Silva, José Batista da Silva, José Rosano dos Santos, Cláudio Bezerra Leite, Paulo César Pereira de Sousa, Ernando José da Silva e dois homens conhecidos apenas como “Valdeir” e “Deo de Caminha) que foram denunciadas pela ação que envolveu troca de tiros, um Policial Militar morto, outro PM ferido e o roubo das armas das vítimas e de um malote dos Correios, que continha R$ 13 mil, destinados ao pagamento do INSS dos aposentados e pensionistas do município de Manaíra.

Dos R$ 13 mil reais, o total de R$ 12.246,20 foram recuperados pela polícia.

Foragido, acusado de matar Policial Militar durante roubo há 18 anos na Paraíba é preso pela PM e PC em Alta Floresta/RO
Foragido, acusado de matar Policial Militar durante roubo há 18 anos na Paraíba é preso pela PM e PC em Alta Floresta/RO
Nome falso que o acusado estava utilizando há vários anos.
Foragido, acusado de matar Policial Militar durante roubo há 18 anos na Paraíba é preso pela PM e PC em Alta Floresta/RO

 

 

 

 

Fonte: alertarolim

About admin

Check Also

Poder Judiciário suspende o atendimento presencial e prazos em todas as comarcas

Novo Ato Conjunto determina trabalho exclusivamente em home office, com exceção de casos urgentes. Em …

Deixe uma resposta

tag: